segunda-feira, 7 de março de 2011

Biju de Tapioca com Recheio de Tartar de Salmao



Ingredientes para o tartar:(Porção com 4 unidades - 30g cada) 120g de salmão
5g de ovas de massago
Flor de sal
Cebolete (cebolinha francesa)
Limão
Azeite de ervas
4 esferas de biju de tapioca
10g de broto de feijão
5g de rabanete

Modo de preparo do tartar:Corte o salmão em cubinhos, misture num recipiente todos os ingredientes. Prepare somente na hora de servir.

Montagem:

Enforme a mistura num aro de alumínio de 5 cm sobre a esfera do biju de tapioca. Ao final, enfeite com broto e ova de massago e regue com azeite de ervas.

Biju (dica do restaurante Mok):
O gomo de tapioca pode ser encontrado pronto para fazer o biju, em feiras livres. Basta fazer o molde do formato e tamanho desejados e depois colocar em uma chapa ou frigideira para 'esticar' e tostar (a fritura não é em imersão). Quando o biju estiver levemente tostado e mais durinho, está pronto. Ao final, basta acrescentar o recheio. 

Torta Ganache de Chocolate

Fonte
Livro: Petit Larousse do Chocolate - Editora Larousse do Brasil
Tempo de Preparo
Longo - 3 horas + 1 hora para refrigeração
Rendimento
10 porções
Dificuldade de preparo
Difícil
Custo aproximado
Alto
Ingredientes

* A manteiga desta receita deve estar sempre em temperatura ambiente

Para a massa adocicada:

120 g de manteiga*
100 g de açúcar de confeiteiro
uma pitada de sal
1 ovo
200 g farinha de trigo peneirada

Para o creme de amêndoa:

100 g de manteiga*
100 g de açúcar
uma pitada de baunilha em pó
2 ovos
100 g de amêndoa moída

Para a ganache:

125 g de chocolate meio amargo
125 ml de creme de leite fresco
25 g de açúcar
25 g de manteiga*

Para a calda de chocolate:

50 ml de água
40 g de açúcar
15 g de cacau em pó sem açúcar

Para o crocante de chocolate:

25 g de chocolate ao leite
30 g de manteiga*
125 g de massa de pralinê
15 crepes rendados (60 g)
5 crepes rendados picados
Modo de preparo

A massa adocicada:

Misture a manteiga com o açúcar e o sal. Incorpore o ovo, depois a farinha de trigo peneirada. Forme uma bola de massa e achate-a levemente. Envolva-a em filme plástico e leve para gelar por 30 minutos.
Preaqueça o forno a 180°C. Unte com manteiga uma forma de torta de 24 cm de diâmetro. Enfarinhe a bancada de trabalho. Abra a massa açucarada até obter uma circunferência de 30 cm de diâmetro com cerca de 3 mm de espessura. A seguir, coloque-a na forma. Leve para gelar por 10 minutos.
Coloque sobre a massa uma folha de papel-manteiga maior do que a forma. A seguir, preencha-a com uma camada de feijão cru (ou arroz). Asse por cerca de 10 minutos, até que a massa esteja ligeiramente corada. Retire a forma do forno e descarte o papel-manteiga com o feijão (ou arroz). Reduza a temperatura do forno para 160°C e asse a torta por mais 8 minutos. Reserve sobre uma grade de metal.

O creme de amêndoa:

Misture a manteiga com o açúcar, depois junte a baunilha. Incorpore os ovos um a um, misturando delicadamente, depois a amêndoa moída. Despeje esse creme sobre o fundo da torta e leve para assar por 30 a 40 minutos.

A ganache:

Pique grosseiramente o chocolate e coloque-o em uma tigela. Ferva o creme de leite com o açúcar, depois despeje-o sobre o chocolate. Mexa bem e junte a manteiga. Deixe descansar até que a ganache possa ser facilmente espalhada.

A calda de chocolate:

Em uma panela, leve a água e o açúcar ao ponto de fervura. Junte o cacau, bata na batedeira e depois deixe ferver novamente. Espere esfriar.

O crocante de chocolate:

Pique finamente o chocolate ao leite e derreta-o em banho-maria. Incorpore a manteiga, a massa de pralinê e os crepes rendados em pedaços e misture. Sobre papel-manteiga, trace um círculo com diâmetro de 10 cm e espalhe a mistura. Leve para gelar por 20 minutos.
Desenforme a torta e embeba o creme de amêndoa com a calda de chocolate. Espalhe com a espátula uma fina camada de ganache. Salpique o crocante e adicione o restante da ganache. Distribua por cima os crepes rendados em pedaços.

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Saladas Ladrillo

As melhores opções para este verão:

Salada San telmo:

alface americana, rúcula, presunto cru, parmesão, tomate seco e manjericão

Salada Las Cañitas:

Mix de folhas verdes, Palmito, tomate cereja, mussarella de búfala e frutas.

Salada Caeser:

Alface americana, tomate cereja, lascas de parmesão, croutons, pedaços de frango e molho caeser.

Palermo Hollywood:

Agrião, Alface Roxa, Endívia, Tomate, Damasco e Palmito.

La Boca:

Folhas verdes com frutas tropicais grelhadas no vinho

Salada Juliana:

Alface, agrião, tomate, patata palha, cenoura e bacon

Hmmm... Nice Martini!

Ingredientes

4 amoras
50 ml de vodca de uva
40 ml de suco de cranberry
10 ml de suco de limão siciliano
10 ml de licor de laranja (Cointreau)
1/2 colher (chá) de açúcar
4 cubos de gelatina de saquê
Modo de preparo

Primeiro, macere as amoras. Em seguida, acrescente os ingredientes restantes  - exceto a gelatina - e bata todos juntos.
Sirva em taça de dry martini.
Corte a gelatina de saquê em cubos e coloque nas extremidades da taça.

receita: Basílico

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Medalhões de filet mignon com molho dijonnaise e purê de abacaxi

Ingredientes
Purê de abacaxi
- 2 abacaxis grandes maduros
- 2 cebolas pequenas raladas
- 1 colher (chá) de alho ralado
- 50 g de manteiga
- 1 xícara (chá) de açúcar
- 50 ml de vinho branco suave
- 25 ml de vinagre de maçã
- 1 colher (café) de Ajinomoto
- Sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto
Filet mignon e molho
- 6 medalhões de filet mignon
- Óleo de oliva para pincelar os filés
- Sal grosso moído para temperar os filés
- Cognac suficiente para flambar os filés
- 100 ml de creme de leite fresco
- 2 colheres (sopa) de mostarda de Dijon com sementes
- 1 colher (sobremesa) de mostarda forte clara
- 1 colher (sobremesa) de pimenta rosa
- Sal refinado e pimenta-do-reino moída na hora a gosto
Decoração
- Tiras de bacon fritas
- Salsinha desidratada
Purê de abacaxi
1. Descasque os abacaxis e corte-os em pedaços, retirando o miolo fibroso.
2. Bata rapidamente os abacaxis no liquidificador e depois passe-os pelo coador, descartando o líquido e aproveitando apenas a polpa que ficou no coador.
3. Em uma panela, salteie a cebola e o alho na manteiga derretida. Adicione em seguida a polpa batida do abacaxi, o açúcar e os demais ingredientes. Mantenha em fogo brando, com a panela destampada, mexendo sempre, até que a água do cozimento evapore totalmente e a consistência seja reduzida a um purê denso.
4. Se for necessário, ajuste os temperos, para ressaltar o sabor agridoce do purê.
Filet mignon e molho
5. Corte ao meio os medalhões de filet mignon, pincele-os com o óleo de oliva e tempere-os com o sal grosso moído.
6. Em uma frigideira grande, previamente aquecida, sele a carne dos dois lados, deixando-a ao ponto.
7. No final do cozimento, ainda com o fogo aceso, flambe os medalhões com um pouco de cognac. Retire-os e mantenha-os aquecidos.
8. Prepare o molho na mesma frigideira, misturando ao fundo do cozimento o creme de leite fresco, as mostardas, a pimenta rosa, o sal refinado e a pimenta-do-reino. Sem parar de mexer, reduza um pouco o molho em fogo brando até obter uma textura homogênea.
Finalização
9. Com um cortador médio, enforme o purê de abacaxi e modele-o nos pratos.
10. Adicione os medalhões cortados ao meio e cubra com o molho.
11. Disponha os ingredientes da decoração e sirva em seguida.

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Omelete gourmet: Prepare o seu!



Omelete com cebolinha e parmesão  1 porção

60 ml de creme de leite fresco
2 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
1 colher (sopa) de cebolinha verde picada
3 ovos inteiros
Óleo de milho
Sal e pimenta-do-reino a gosto

1 Em um bowl, bata os ovos com o creme de leite, sal e pimenta. Bater bem com fouet. 2 Aqueça uma frigideira anti-aderente, unte como óleo de milho e coloque a mistura dos ovos.  Delicadamente, mexa formando grumos. 3 Dê o ponto, mais mal passado ou mais seco. 4 Adicione o parmesão e a cebolinha verde. Feche em meia lua e sirva a seguir.

Restaurante Ladrillo oferece diversas opções ideais para os dias quentes

O Restaurante Ladrillo, especializado em servir o melhor da carne argentina em São Paulo (Moema, Zona Sul), preparou uma seleção das melhores opções do nosso cardápio para pedir no verão. Saladas, Parrillada de legumes, Palmito assado... tudo feito com o mesmo capricho e com as mesma qualidade da nossa carne importada. 

Palmito Pupunha Assado: O pupunha da casa é famoso e é um dos favoritos do cardápio. É ótima guarnição para carnes e peixes.

Cejas: A capa do bife ancho é macia, saborosa e tem corte baixo. A carne mais leve do nosso cardápio.

Parrillada de Legumes: Prato leve, saboroso e muito colorido. Com uma diversidade de legumes temperados feitos na grelha.

Peixes: Salmão, Robalo e Linguado acompanham risotos (ideal para os dias mais frios) ou saladas!

Sobremesas: Sorvetes de frutas, Sorvetes haggen Dazs, Taça da casa, creme de papaia e frutas frescas são as mais pedidas no verão.

Já deu água na boca?


terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Para refrescar: Tartare de atum com pepino crocante e sorvete de azeite de wasabi.

SORVETE DE AZEITE DE WASABI
INGREDIENTES:
2 colheres de sopa de mostarda de Dijon
4 gemas
Suco de meio limão
½ colher de sopa de gengibre ralado
Sal
Pimenta dedo de moça picada
Wasabi
250 ml de óleo de soja
200 ml de azeite extra-virgem
Azeite verde

MODO DE FAZER:
Misture todos os ingredientes, colocando por último o óleo de soja, o azeite extra-virgem e o azeite verde.

MOLHO
INGREDIENTES:
4 colheres de sopa de saquê culinário
4 colheres de sopa de óleo de soja
2 colheres de sopa de vinagre de arroz
1 colher de sopa de azeite extra-virgem
¼ de colher de mel
Sal

MODO DE FAZER:
Misture todos os ingredientes.

PEPINO
INGREDIENTES:
2  pepinos descascados
100g de sal grosso

MODO DE FAZER:
Corte o pepino em tiras finas e deixe no sal por 1 minuto. Lave bem, seque e pique.

ATUM
INGREDIENTES:
400g de atum cortado em cubinhos
2 colheres de sopa de azeite extra-virgem
Pimenta
Sal

MODO DE FAZER:
Tempere o atum, coloque o azeite e guarde na geladeira.

FINALIZAÇÃO
Encha metade das formas com pepino crocante, cubra com o atum e aperte bem. Ponha em um prato fundo e coloque o molho em volta. Finalize com o sorvete de azeite, croutons e mini-rúcula.

VINHOS

Riesling Kientzler
Safra: 2005
Produtor: André Kientzler
País: França
Região: Alsácia

Thalassitis Assyrtiko
Safra: 2006
Produtor: Gaia
País: Grécia
Região: Santorini

Fonte: GNT

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Cristina diz: " A Argentina é um lugar muito bom para fazer negócios"


Ao participar de uma reunião com empresários locais, o Chefe de Estado assinalou que a Argentina "tem cumprido com todos os pagamentos internacionais pendentes desde 2003 e tem cumprido o período de crescimento econômico e inclusão social mais importante da sua história."
"Em meu país, este crescimento da indústria cresceu sobre a atividade econômica tem impactado o resto da economia. Estamos experimentando um forte processo de reindustrialização. Então, precisamos de parceiros estratégicos em várias partes do mundo, incluindo o Kuwait ", disse o presidente.
No encerramento de um seminário de negócios de comércio e investimento em pequenas emirado do Golfo, ricos, Cristina Kirchner disse que os países emergentes não devem "ver agora que atravessa a economia internacional como uma crise." Ele acrescentou: "Vemos isso como uma oportunidade para mudar."
"Há mudanças que ocorrem economicamente e politicamente no mundo e devemos cuidar dessa nova realidade em que o século XXI terá novos jogadores", disse ele, e enumeradas no sentido de energia ", o alimento, ciência e tecnologia. "

texto original: La Nacion

Hmmm... Sopa de batata doce com patata palha e alho poró frito.

Ingredientes:

Sopa de batata-doce
3 batatas-doces grandes cortadas em pedaços grossos
3 alhos-porós picados grosseiramente
Uma pitada de sal marinho e pimenta-do-reino fresca moída
Uma colherada de manteiga
6 xícaras de caldo de frango
1 pedaço grande de gengibre fresco (aproximadamente 1 colher de sopa, sem casca e ralado)
2 xícaras de água

Batata palito e alho-poró frito
2 batatas grandes
Alho-poró cortado em tiras finas de 8 cm
Uma pitada de fécula de batata
Óleo de canola para fritura
Uma pitada de sal

Outras receitas do episódio:
Risoto de batata com linguiças de cordeiro salteadas

Pudim de frutas vermelhas

Modo de preparo:

Sopa de batata-doce
Descasque as batatas-doces e corte em quatro pedaços. Lave bem os alhos-porós, retirando qualquer camada externa danificada, bem como as pontas brancas com fiapos das extremidades e corte em fatias de 2,5 cm (reserve um pedaço de 8 cm para ser frito posteriormente e servido como guarnição).

Coloque os alhos-porós para amaciar em uma panela grande com uma colherada de manteiga. Não deixe dourar. Adicione 6 xícaras de caldo de frango ou água. Acrescente as batatas-doces e ferva. Diminua o fogo para temperatura média e ferva até que as batatas-doces estejam completamente cozidas – um pouco mais macias do que o ponto de cozimento. Com um mixer, amasse os ingredientes até ficarem bem misturados.

Adicione o gengibre ralado e verifique a consistência. Se a mistura estiver muito grossa, acrescente um pouco mais de água. Prove e tempere conforme necessário, adicionando mais sal e pimenta. Coloque em uma tigela e guarneça com uma porção crocante de batata palito e alho-poró frito.

Batata palito e alho-poró frito
Descasque e corte as batatas em tiras muito finas. Lave-as em água fria em uma peneira para retirar a goma em excesso. Deixe secar bem. Seque com tapinhas. Em uma frigideira grande a 180°C, frite as batatas por 3 – 5 minutos, submersas no óleo de canola, até ficarem bem douradas. Seque em papel toalha. Espalhe logo em seguida uma pitada de sal e pimenta.

Corte o alho-poró em tiras bem finas similares às da batata. Em uma vasilha pequena, coloque o alho-poró e polvilhe levemente 2 colheres de sopa de fécula de batata sobre as tiras para evitar que queimem. Frite as tiras de alho-poró de 8 cm no mesmo óleo até ficarem douradas – cerca de 1 minuto. Adicione à vasilha de batata palito. Misture bem. Guarneça com uma pequena porção sobre a sopa.

Croutons: Incremente sua salada.

Se você acha que o crouton é um ingrediente especial e fundamental para incrementar sua salada, aprenda como preparar as torradinhas em casa:


Preparo
10 minutos
Cozimento
5 - 10 minutos
Rendimento
4 - 6 porções
Ingredientes
- 3 - 4 fatias finas de pão branco amanhecido
- óleo de semente de girassol para fritar
Modo de Preparo
Remova as cascas das fatias de pão. Corte o pão em cubos de 1 cm.
Aqueça 1 cm de óleo na frigideira. Adicione os cubos de pão e frite em fogo médio, mexendo sem parar, até ficarem crocantes e dourados.
Retire os croûtons do óleo e escorra em papel-toalha. Sirva mornos ou frios.
Variações
Os croûtons podem ser preparados previamente, resfriados e armazenados em recipiente hermético. Use pães com sabores, como pão de tomate seco ou pão de ervas, para fazer os croûtons. Outros tipos de pães, como o integral, também podem ser usados. Para um sabor mais intenso, adicione um dente de alho amassado ao óleo.
Croûtons Assados
Preparo
10 minutos
Cozimento
15 minutos
Rendimento
4 - 6 porções
Ingredientes
- 3 - 4 fatias de pão de tomate seco amanhecido
- óleo de tomate seco para cobrir
Modo de Preparo
Preaqueça o forno a 200ºC. Remova as cascas das fatias de pão. Corte o pão em cubos de 2,5 cm e passe pelo óleo, recobrindo bem.
Coloque os cubos de pão em uma assadeira e leve ao forno por 15 minutos, ou até estarem crocantes e dourados. Vire uma vez.
Retire do forno. Escorra em papel-toalha e sirva mornos ou frios.
Variações
Use óleo de semente de girassol, de pimenta ou azeite no lugar do óleo de tomate seco. Use pão de azeitonas e azeite ou pão de nozes e óleo de nozes no lugar do pão de tomate seco e óleo de tomate seco.

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Argentina e Urugai no topo do ranking dos países com maior índice de inflação na América Latina


O fim de 2010, reconfirmou que tempo é um fato: os aumentos de preços (reais) no país, de longe, superior ao resto dos latinos, com uma exceção, embora muitas delas também mostram elevadas taxas de crescimento.
A economia Bolivariana encerrou o ano com um aumento de preços de 27,2%, de acordo com funcionários do Banco Central, em meio a um cenário de recessão. Aqui, com a diferença de que a expansão econômica foi observada no ano passado, o valor da inflação terminou muito perto do bolivariano. Mas não houve relatos de oficiais ratificá-lo, mas os consultores e fundações privadas a desenvolverem as suas próprias taxas para a orientação na ausência de verdadeiros indicadores público.
A partir desses cálculos cerca de 25%, refletindo o aumento nos preços "real", há a posição infeliz de liderança na região. Para citar um caso, o inquérito realizado a cada mês se juntou a consultoria Ecolatina 26,6% entre janeiro e dezembro de 2010.
Em termos oficiais, o índice de preços ao consumidor (IPC), elaborado pelo Instituto Nacional de Estatísticas e Censos (INDEC), em novembro marcou um avanço de 10% até agora este ano. E se o indicador se move ao ritmo que fez durante os meses diferentes do ano, pode esperar um aumento de menos de um ponto percentual o final do ano.
Este seria o local limpo e idiota de inflação do ano passado, cerca de 11% em comparação a 7,7% em 2009 e 7,2% no ano anterior. De um lado, enterrando o número termina com o intervalo de previsão de 6,1% refletiu no orçamento aprovado no ano passado. Essa figura estava por trás de metade do ano, quando se mede o acumulado subiu em julho deste ano de 5,9% para 6,7%. Por outro lado, acende uma luz de advertência para o governo, determinado a negar a inflação: mesmo se tomada como verdadeira medida oficial, o número é muito superior ao dos outros países da vizinhança.
Base, os preços no Brasil subiram 5,91% em 2010 para seu nível mais alto em seis anos, conforme publicado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em um contexto de crescimento económico, com uma expectativa expansão de 7%

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Bolinhas fritas de purê de batata (Receita)

Ingredientes
3 xícaras de purê de batata dura (de preferência frio)
2 ovos de tamanho médio
1 / 4 xícara de cebolinha cortada
1-1/2 xícaras de panko
Óleo para fritar
Direcções
Aqueça cerca de 1-1/2 polegadas de óleo sem sabor para cerca de 375 graus em uma frigideira rasa (você quer algo com uma superfície muito bom desde as bolas devem ser fritos em pequenos lotes para garantir que eles não estão lotados).
Bata os dois ovos ligeiramente numa tigela de tamanho médio. Misture o purê de batata e cebola verde. Usando uma colher de sorvete 1-1/2 polegadas, faça bolinhas de batata. Roll-los em um prato de panko.
Frite as bolinhas de batata um pouco de cada vez, e cada vez laterais na cor marrom dourado, cerca de 03/02 minutos no total. Não tente lançá-los até que a crosta é desenvolvido e dourar. Em seguida, vire para o outro lado e deixe marrom. Sirva quente.
Rendimento: 28 bolas de batata

8 mitos sobre comidas saudáveis



1.Os alimentos integrais fazem perder peso
Muitos acreditam que o "integral" é como "dieta". Grave erro. Farinhas e grãos têm quase as mesmas calorias que os produtos refinados. Sim, nós podemos dizer que eles são mais saudáveis porque eles são ricos em minerais e fibras que ajudam a eliminar toxinas com mais facilidade. Mas de forma fina.
2. Saladas de fast food são a "escolha saudável"
Nunca curto de entrar McDonald's, em vez de pedir um hambúrguer como Deus manda, escolher a salada, porque é a "escolha saudável". Uma pesquisa recente privada saladas vendidas em lojas de fast food se que estes produtos sejam excedidos para sal e gordura. O exemplo é lapidar: um Big Mac tem 540 calorias e 1.040 miligramas de sal, enquanto que uma salada completa com frango e molho tem 530 calorias e 1,260 mg de sal. Assim, o Big Mac é mais saudável ou menos prejudicial. E mais ricos.
3. 0% de gordura são produtos saudáveis
É muito comum que se sentem no direito de comer todos os alimentos sem culpa "0% de gordura (livre de gordura em Inglês). Muitas pessoas comem porque acham que magicamente perder peso.O problema é que ao remover a gordura, muito do sabor original dos produtos é removido, forçando os fabricantes a adicionar o açúcar e todos os tipos de produtos químicos de origem duvidosa. Portanto, 0% de gordura dos alimentos pode ser pior do que comum.
4. Os cookies são melhores do que pão
Mais mitos desmoronam. E uma boa notícia para os fãs hardcore do pão, biscoitos são muito mais calorias (420 a 100 gramas) de pão (280 a 100 gramas) e mais gordura. Então vamos acabar com as migalhas que tornam insuportável andar com biscoitos e pedir ao garçom uma outra cesta.
5. Os limões fornecem vitamina C e não tem açúcar
É verdade que os limões fornecem vitamina C, mas é verdade também que outras frutas têm as mesmas propriedades e são deliciosos. Atenção: um quilo de morangos tem mais vitamina C do que um quilo de limões e, acredite ou não, tem menos açúcar. Assim, o suficiente com o sacrifício de tomar suco de limão para prevenir constipações e gripes, acreditando que nos fará forte.Morangos têm as mesmas propriedades como vitaminas e estão definitivamente mais ricos.
6. As barras de cereais são boas
Nos últimos anos, multiplicou a variedade de barras de cereais nas bancas. Muitos atletas consomem suplemento protéico. O que todos não sabem é que esses cereais misturado com frutas e chocolate, pode ter até o dobro do açúcar, a que alguns doces convencionais. Watch out.
7. Dê espinafre força
músculos do Popeye fez um tremendo toda vez que eu comi sua lata de espinafre. É verdade que este vegetal contém ferro, mas não como lentilhas, fígado de porco, ou amêijoas. Além disso, os laxantes e espinafre contêm substâncias que tornam mais difícil a absorção de ferro quelante pelo corpo humano.
8. Cenouras aguçam a visão
Comer cenouras que o Pernalonga não nos salva de óculos, se você realmente tem problemas de visão. Beta-caroteno contido em vegetais são precursores da vitamina A, necessária para a fabricação de pigmento rodopsina, o que melhora a acuidade visual em ambientes com condições de iluminação pobres. Ou seja, não comer cenouras teremos os olhos de um lince, na melhor das hipóteses, vamos ver um pouco melhor quando está escuro.

fonte: La Nacion